Metamorfose ambulante

Quem é que não tem suas fases? Não somos a mesma coisa o tempo todo. Temos, por exemplo, nossa fase minguante em que nos recolhemos, como a lua, e ficamos vagando pelos nossos sentimentos. Acalmamos, desaceleramos, observamos com mais clareza.

Tão necessário ser minguante de vez em quando. Dá até para ouvir o tum-tum-tum do próprio coração. É um aquietar que prepara para o novo. Afinal, é preciso estar pronta para o que quer chegar. Na fase minguante, encerramos os ciclos, ajustamos as velas, refletimos com serenidade.

Somos tão conectados com a natureza. Olha a lua, as estações do ano, o fogo, a água. Temos tudo isso em nós, não é mágico? A lua sai, o sol chega. O inverno sai, a primavera chega. É um ir e vir constante, ciclos abrindo e outros encerrando.

Somos a lei natural, nada permanentes, sempre mutáveis. Raul Seixas estava certo. Viva as metamorfoses ambulantes. Está tudo em movimento. E é por isso que todo novo ciclo precisa de espaço para chegar no emaranhado de transformações que somos nós: Minguante, crescente, nova e cheios de amor para espalhar.

Hoje, dia 20 de março, inicia o Ano Novo Astrológico com a chegada do Equinócio da Primavera, no Hemisfério Norte, e do Equinócio do Outono, no Hemisfério Sul. Tempos de renovação, novos começos. Dizem que será um ano em que pensaremos mais na coletividade e no nosso papel no mundo. Tomara.

Em qual fase você está?

Clique aqui e converse comigo também pelo Instagram.

Foto autoral. Nada como um céu azul / Março, 2021.

19 comentários sobre “Metamorfose ambulante

      1. Desde sempre, porém confesso que mais nos últimos dois anos, amanhecer para mim é sinônimo de novo, o futuro presente. Embora a despedida do dia seja misteriosa e linda, as manhãs oferecem algo único que não sei explicar. Posso dizer, no entanto, que desde que voltei do hospital nada me faz mais feliz que olhar a transição noite/dia. E o outono é definitivamente a estação da luz e quem sabe de outra transição da natureza. Suas cores esmaecendo preparam a vida para outras vidas logo adiante. Um abraço carinhoso, querida Nicole. ☮️💐

        Curtido por 1 pessoa

      2. Que lindo, Fernando! Essas transições ensinam tanto pra gente. Costumo ser atraída por por-do-sol, mas o amanhecer realmente tem uma energia potente de novos começos. Desejo que você viva muitos ciclos das estações, do dia e da noite e acompanhe a lua por aí. Beijo grande! 🌸

        Curtir

      3. Ontem, querida, a lua estava deslumbrante e a transição dia/noite foi mágica. Com o café atrasado, ao fundo um disco dos anos 60 dos Bee Gees (Odessa), a sensação de infinito interiorizou tanto que o amanhecer de domingo foi de chuva. A natureza é sábia e sensível. Lindo dia, minha querida. Beijo.☮️☕️💐❤️

        Curtido por 2 pessoas

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s