O que é o amor

Hoje quero falar sobre ele: o amor. Tenho pensando sobre o amor intensamente nessas duas últimas semanas. Aqui não resumo o amor a apenas um relacionamento romântico dos filmes de Hollywood, falo do amor pelas pessoas da nossa vida. Sem níveis hierárquicos. Amor é amor.

Depois de muito bater cabeça, agora tenho conseguido observar com clareza que amor não tem nada a ver com apego, controle, expectativas, formalidades, estar fisicamente perto o tempo todo. Amor é algo tão incrível que a gente simplesmente sabe que ele existe.

Ele está na gente em um compasso doce e inexplicável. Amor não machuca, não é difícil, não causa ansiedade, não deixa dúvidas. Amor tem conversas honestas, aceitação do que a outra pessoa é, respeito, paciência. Amor é construção.

Amor é encontrar um amigo que não vê há anos e sentir a alegria que é ver o outro feliz. É não sentir a obrigação de atender às expectativas da família, mas estar pronto para o que der e vier. É pegar um avião com a certeza de que receberá um sorriso e abraço apertado na área de desembarque.

Amor não sufoca, amor deixa ir. Amor não limita, amor expande. O amor estimula o que há de melhor em nós. Amor é escolha, afeto, sintonia. Amor é escutar uma música e lembrar. É compartilhar. É conexão além da presença física. É coisa de alma. Tem tanto amor cercando a gente. Deixa entrar.

8 comentários sobre “O que é o amor

Deixe uma resposta para Ana Bittencourt Cancelar resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s